segunda-feira, 31 de março de 2014

Simone de Beauvoir docemente na cena


Podranea ricasoliana - flor sete léguas
"Que nada nos limite. Que nada nos  defina. Que nada nos sujeite. Que a liberdade seja a nossa própria substancia. " Simone de Beauvoir
Com esta imagem a gente também inaugura  a cena interior (do interior).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigada pela visita !Seu comentário é muito importante!!